Nossa Senhora, na aparição de 13 de julho de 1917, em Fátima, disse: "Para impedir a guerra, virei pedir a consagração da Rússia a Meu Imaculado Coração e a Comunhão reparadora nos primeiros sábados". "Se atenderem a Meus pedidos, a Rússia se converterá e terão paz; se não, espalhará seus erros pelo mundo, promovendo guerras e perseguições à Igreja. Os bons serão martirizados, o Santo Padre terá muito que sofrer, várias nações serão aniquiladas. Por fim, o meu Imaculado Coração triunfará."

2022 03 25 Consagracao 2Após as aparições de Fátima houve vários atos de consagração ao Imaculado Coração de Maria por parte dos vários pontífices. A última foi em 25 de março de 2022, quando o Papa Francisco conduziu o Ato de Consagração da Rússia e da Ucrânia ao Imaculado Coração de Maria, na Basílica de São Pedro, em união com a Igreja universal.

Um ano depois, ao recordarmos este importante momento e preparando-nos para celebrar a Solenidade da Anunciação, pedimos a todos que renovem a consagração ao Imaculado Coração de Maria, no dia 25 de março e ofereçam atos de piedade, pedindo a Maria Santíssima que interceda junto de Cristo, Príncipe da Paz, pelo fim do conflito na Ucrânia e noutras nações afetadas pela violência, sofrimento e tragédias.

Aqui o texto da Oração de Consagração usado pelo Papa Francisco, no passado dia 25 de março de 2022.